[ editar artigo]

Se você pudesse mudar alguma coisa no mundo para deixar ele mais inclusivo, o que seria?

Se você pudesse mudar alguma coisa no mundo para deixar ele mais inclusivo, o que seria?

Criado em 14 de outubro de 1992 durante uma convenção da Organização das Nações Unidas (ONU), o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência é mais um momento de conscientização da sociedade, mobilização de instituições e eventos de debate sobre direitos e a realidade de quem tem deficiência (visual, intelectual, auditiva, física).

Embora vivamos um momento de muita agressividade e incertezas, nós da Mundo Adaptado acreditamos ser possível viver em um mundo mais respeitoso, mais inclusivo e que garanta dignidade para pessoas com deficiência e suas famílias! Sabemos que ainda há um longo caminho a ser trilhado, mas nosso medo ou desilusão perante os "nãos" e o descaso de pessoas e Governos não devem ser maiores do que nossa esperança, nossa coragem para enfrentar o preconceito.

Devemos cobrar direitos e lutar por melhorias por meio do voto, participar de debates relevantes sobre políticas públicas e também ser defensor da causa em nosso dia a dia quando temos a oportunidade de explicar e defender a inclusão social para professores, vizinhos, amigos e familiares.

Não é fácil, sabemos bem! Mas, somos milhares de famílias com o poder de ser voz de quem precisa. Sejamos voz de nossos filhos, familiares, alunos, pacientes. Que o dia de hoje não seja apenas MAIS uma data e sim uma oportunidade para mostrar para a sociedade que mais de 1 bilhão de pessoas no mundo tem alguma deficiência e merecem respeito, qualidade de vida e cumprimento de diretos.

Se você pudesse mudar alguma coisa no mundo para deixar ele mais inclusivo, o que seria?

Um abraço da Mundo Adaptado para todas as pessoas com deficiência e suas famílias. Estamos juntos nessa jornada!

 

 

Mundo Adaptado
Mundo Adaptado
Mundo Adaptado Seguir

Comunidade colaborativa de conteúdo e cursos online com o propósito de proporcionar qualidade de vida, acolhimento e apoio mútuo através da conexão entre pessoas com deficiência, familiares e especialistas.

Ler matéria completa
Indicados para você