[ editar artigo]

Crânioestenose e torcicolo congênito

Crânioestenose e torcicolo congênito

Meu nome é Cintia, sou mãe do Miguel 6 anos e Micaela 1 ano e 20 dias. Trabalhei 12 anos na UTI neonatal do hospital Santa Catarina onde tive o prazer de conhecer a Carla e sua linda família. 

Minha pequena nasceu PIG 2,500 kg com 41 semanas, com 48 horas de vida a pediatra falou que ela poderia ter uma paralisia por ser um pouco tortinha, meu mundo caiu, chorei muito, fomos no neuro clínico que já encaminhou para o neuro cirurgião onde fechou o diagnóstico de crânioestenose. Foi duro saber que minha pequena teria que fazer uma neurocirurgia com 3 meses e meio e sofri muito durante todo esse período. 

05/08/20 nossa pequena fez a cirurgia que durou 6 horas e meia, graças a Deus deu tudo certo e se recuperou muito bem. Hoje com 1 aninho ela começou a andar e está se desenvolvendo conforme o esperado. Agora tentando melhorar o torcicolo congênito que não está sendo muito fácil porque a pequena não colabora muito rsrs. 

 

 

Ler conteúdo completo
Indicados para você