Mundo Adaptado
Mundo Adaptado
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
VOLTAR

Como incluir as crianças com deficiência em atividades e por que a inclusão é tão valiosa para a sociedade quanto para a própria criança?

Como incluir as crianças com deficiência em atividades e por que a inclusão é tão valiosa para a sociedade quanto para a própria criança?
Mundo Adaptado
jan. 17 - 3 min de leitura
020

Incluir a criança com deficiência em atividades e eventos sociais é importante para o seu desenvolvimento pessoal e para sua integração na sociedade, mas ao contrário do que muitas pessoas imaginam, a inclusão é ainda mais forte para quem está incluindo do que para alguém que está sendo incluído, pois inevitavelmente haverá muito aprendizado em todo o processo e isso é algo saudável para que haja uma interação positiva para todos os envolvidos.

A inclusão reversa acontece quando as pessoas com deficiência são incluídas em um ambiente e as outras pessoas ao seu redor também aprendem e se beneficiam. Isso ocorre porque a inclusão força às pessoas a enfrentarem e entenderem suas próprias atitudes e crenças, bem como a aprender a se comunicar e trabalhar de maneira mais eficaz com pessoas que são diferentes delas. Além disso, a inclusão reversa pode aumentar a compreensão e a empatia entre os indivíduos e promover uma cultura mais inclusiva e diversa no geral.

Listamos abaixo algumas dicas para ajudar pais de crianças típicas a incluir a criança com deficiência em atividades e eventos sociais:

  • Converse com a família e os cuidadores da criança para entender as suas necessidades e limitações. Isso permitirá que você planeje atividades e eventos que sejam acessíveis e seguros para ela.
  • Adapte as atividades e eventos para atender às necessidades da criança. Por exemplo, você pode usar materiais em braile ou em linguagem de sinais para incluir crianças com deficiência visual, ou fornecer recursos de apoio, como intérpretes, para crianças com deficiência auditiva. Envolva a criança ou os pais da criança na planificação das atividades e eventos. Isso lhes dará a oportunidade de expressar as suas opiniões e interesses e uma sensação de pertencimento, principalmente e infelizmente porque muitas vezes a sociedade, por falta de experiência, acaba os deixando sem a atenção desejada, causando um sentimento de invisibilidade no meio em que vivem.
  • Converse e forneça orientação aos outros participantes para garantir que eles estejam preparados para interagir e incluir a criança com deficiência.
  • Seja paciente e compreensivo, incluir uma criança com deficiência severa por exemplo, em atividades e eventos sociais pode exigir mais tempo e esforço, mas o resultado final será uma sociedade mais inclusiva e acolhedora, além de uma família com sentimento de pertencimento.
  • Encoraje outras famílias a participarem das  atividades e eventos sociais que envolvem a criança com deficiência, isso ajudará a criar um ambiente de apoio e compreensão.
  • Tenha sempre em mente a importância de valorizar a diversidade e a inclusão, e se esforce para criar um ambiente que promova a igualdade e o respeito para todas as crianças, incluindo aquelas com as  deficiências mais graves.



Denunciar publicação
    020

    Indicados para você