Mundo Adaptado
Mundo Adaptado
Você procura por
  • em Publicações
  • em Grupos
  • em Usuários
VOLTAR

Alergia alimentar

Alergia alimentar
Maria Ofelia Fatuch
mar. 30 - 4 min de leitura
000


Cerca de 30% da população mundial tem alergias.

Alergia é a resposta do organismo frente a um alérgeno seja alimento, medicamento, pólen, poeira, insetos.

A alergia alimentar aumentou nos últimos 20 anos, pelos alimentos processados, congelados, conservantes, corantes e introdução precoce de alimentação na criança.

Lembrar que existe alimentos ricos em histamina e não necessariamente o organismo responsável pela produção da reação alérgica, como figo, pêssego, morango e outros.

Provocando prurido ao pegá-los ou no contato com a boca.

Porém, os mais conhecidos em induzir a reação alérgica são: Leite, ovo, peixe, trigo, nozes, castanhas, amendoim e no Brasil o milho, talvez pela ingesta ser mais popularizada e maior, por questões culturais. Assim como, o amendoim nos EUA.

Na verdade, o chocolate e a carne de porco não são tão alergênicos como se esperava

A manifestação clínica mais comum é em pele com coceira podendo aumentar gradativamente, placas avermelhadas, tosse, dificuldade respiratória, diarreia, dor abdominal, inchaço de olhos, boca, extremidades e órgãos genitais. Além de taquicardia, hipotensão, síncope por edema de glote (fechamento da via aérea) .

O paciente e ou o médico terão até três minutos para reconhecer a anafilaxia e ser tratada.

Os teste alérgicos podem ser utilizado após o período de emergência, inicialmente "in vitro" ou seja no sangue e laboratorial, menos risco ao paciente. Posteriormente cutâneo e/ou contato. Lembrando que o padrão ouro para alergia alimentar é a provocação oral do qual o leigo utiliza sem mensurar o risco, experimentando novamente o alimento causador da alergia para testar.  Esse procedimento é hospitalar.

Uma vez identificado alergia deverá ser usada três medicações:

1. Adrenalina como vasoconstritor. Pacientes idosos, cardíacos e em uso de Beta Bloqueadores, o Glucagon;

2. Anti histamínico reduz a histamina circulante;

3. Corticoide reduz o choque anafilático tardio, uma vez que pode permanecer até 36 horas;

4. Salbutamol para broncoespasmos (chio), tosse;

E outras medicações.

Esse "kit" deve permanecer com o responsável ou paciente pelo risco de estar em áreas de difícil acesso médico: avião, sítio etc.

Toda alergia precede uma ingesta prévia, ou inalação, ou contato. Para posteriormente o organismo reconhecer como inimigo.

A profilaxia é usar alimentos naturais verduras e frutas. Aleitamento materno pelo menos nos primeiros 6 meses de idade.

Algumas são transitórias como é o caso de alergia a proteína do leite de vaca e outras permanecem para o resto da vida:  alergia ao trigo (doença celíaca), peixe e crustáceos.

Lembrar que intolerância a lactose como o nome diz não é alergia, e sim rejeição ao  ao açúcar do leite, mais comum em adultos ou após um episódio de diarreia.

A alergia ao leite envolve mecanismos imunológicos contra as proteínas do leite (caseína, alfa-lacto albumina, beta-lacto globulina), enquanto a intolerância é um processo secundário à deficiência da enzima responsável pela digestão do principal açúcar do leite, a lactose.

A lactose é o açúcar presente no leite e seus derivados, e requer uma enzima chamada lactase para a sua quebra (em glicose e galactose) e posterior absorção pelo organismo. A glicose e a galactose desempenham um papel importante em nossas células, como fontes de energia.

Isso porque o ser humano deveria ingerir apenas o leite materno, outros leites existem para alimentar seus filhotes. Como leite de vaca e o bezerro.

No entanto, o leite entrou no cardápio e houve adaptação digestiva com a produção da lactase enzima responsável pela degradação da lactose.

Em recém nascidos a cólica deveria ser considerada como possibilidade de alergia. Principalmente se houve introdução precoce de leite artificial.

Para um tema tão complexo apenas o alergista está habilitado em interpretar testes, conduta, diagnóstico e prognóstico.




Denunciar publicação
    000

    Indicados para você