3ª edição da “Inclusão a Toda a Prova – Corrida e Caminhada” é destaque da virada inclusiva de São Paulo
[ editar artigo]

3ª edição da “Inclusão a Toda a Prova – Corrida e Caminhada” é destaque da virada inclusiva de São Paulo

A prova que já entrou para o calendário inclusivo da cidade de SP deve atrair uma multidão para o circuito do Ibirapuera na manhã de 03 de dezembro, Dia Internacional da Pessoa Com deficiência

Um fim de semana para celebrar a solidariedade. A "3ª Inclusão a Toda Prova - Corrida e Caminhada” será uma das principais atrações da extensa programação da virada inclusiva de São Paulo, que vai movimentar a cidade de 01 a 03 de dezembro. São vários eventos previstos com o objetivo de incentivar e possibilitar que pessoas, com e sem deficiência, possam estar juntas em ações inclusivas nas ruas, praças, parques, museus, teatros, salas, metrô, e todos os espaços possíveis.

Idealizada e coordenada pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, a virada inclusiva de São Paulo conta com uma ampla rede de parceiros e colaboradores voluntários e este ano o Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural (IOK) se junta ao projeto. Atualmente, o Instituto recebe em suas oficinas de artes, dança e esportes cerca de 3.500 pessoas com deficiência intelectual e atende ainda pessoas sem deficiência, que se encontram em situação de vulnerabilidade social e moram em regiões próximas aos locais onde as oficinas são realizadas. O IOK se tornou uma das entidades mais respeitadas de São Paulo, tendo sido escolhida pela Revista Época e pelo Instituto Doar como uma das 100 melhores ONGs do Brasil, no Prêmio Melhores ONGs 2017.

A corrida e caminhada do IOK é um sucesso e é sempre muito aguardada pelos atletas. Até agora já são mais de 10 mil inscritos e a expectativa é de que mais de 15 mil atletas estejam na prova junto com 1.500 participantes dos projetos do IOK. "O nosso projeto tem como objetivo principal apresentar à comunidade e aos nossos governantes a importância da valorização, empoderamento e inclusão de pessoas com deficiência à sociedade", afirma Olga Kos, vice-presidente do Instituto.

A "3ª Inclusão a Toda Prova - Corrida e Caminhada” será realizada, no dia 03 de dezembro, em homenagem ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência. A largada será no Parque do Ibirapuera às 07h, com percursos de 10 km e 6,1 km para corrida e de 4 km para caminhada. As inscrições custam R$ 80,00 mais taxa e no ato da inscrição os atletas podem optar pelo Kit doação, de 7, 15 ou 20 reais para contribuir com a manutenção dos projetos desenvolvidos pelo IOK.

Todos os inscritos receberão um kit com Sacola Promocional, Camiseta em Poliamida, toalha de rosto, Squeeze, Número de Peito e Chip(corredores). No final da prova, serão entregues medalhas aos participantes e troféus aos três primeiros colocados nas categorias masculina e feminina.

A novidade este ano é que as camisetas dos corredores serão na cor flicts, a cor oficial da virada inclusiva. Os organizadores se inspiraram no livro Flicts, um dos mais conhecidos do escritor e cartunista Ziraldo, por considerar que existe uma forte sintonia entre o livro e o espírito do evento. Na obra de Ziraldo, flicts era uma cor discriminada porque "não tinha a força do Vermelho, não tinha a imensidão do Amarelo, nem a paz que tem o Azul" até o dia em que percebeu que era, na verdade, a cor da Lua.

“As corridas do Instituto Olga Kos já fazem parte do calendário paulistano e sempre com grande participação de atletas que é pra nós um motivo de orgulho. Este ano, estamos ainda mais felizes por incluir a prova do IOK nesta festa de solidariedade que é a virada inclusiva de São Paulo”, conclui Wolf Kos, Presidente do Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural.

Serviço:

"3ª Inclusão a Toda Prova - Corrida e Caminhada"

Quando: 3 de dezembro, às 7h

Onde: Parque do Ibiraquera, na Av. Pedro Alvares Cabral, s/nº, em frente ao Obelisco do Ibirapuera, no bairro do Ibirapuera, São Paulo/SP

Inscrições: https://sites.minhasinscricoes.com.br/InclusaoaTodaProvaPelotao

Mundo Adaptado
Beatriz Yuki
Beatriz Yuki Seguir

Jornalista, mãe do Pedro - um menino adorável que nasceu prematuro com 25 semanas de gestação.

Continue lendo
Indicados para você