[ editar artigo]

CANABIDIOL E O TRATAMENTO DE ANSIEDADE.

CANABIDIOL E O TRATAMENTO DE ANSIEDADE.

Você sabe o que é Ansiedade?

Ao falarmos de ansiedade é importante mencionar o medo, uma resposta neurofisiológica do nosso organismo que nos deixa em alarme em resposta a algum perigo presente ou iminente (real ou algo percebido como perigo). A ansiedade em si está relacionada ao medo e ela pode se manifestar como um estado de humor voltado para o futuro com aspectos cognitivos, afetivos, psicológicos e comportamentais, e esse estado de humor é construído como uma resposta de preparação ou antecipação de eventos ou circunstâncias que oferecem perigo ou risco.

Os transtornos de ansiedade podem se manifestar em tipos diferentes: Ataques de pânico, transtorno obsessivo compulsivo e estresse pós-traumático. Estimativas indicam que cerca de 30% da população mundial vá sofrer com transtornos de ansiedade durante seu período de vida. Porém, os dados ainda são muitos escassos, pois muito pacientes reportam transtornos de ansiedade muito tempo depois de começarem a sofrer ou acabam nunca reportando. Além disso, a ansiedade afeta mais as mulheres do que os homens, em uma proporção de 2 para 1.

Devido aos seus múltiplos aspectos, os transtornos de ansiedade também apresentam sintomas do tipo cognitivo (medo de perder controle, medo de lesão ou morte, perda de concentração), fisiológico (palpitações, dor no peito, dificuldade de respirar), comportamental (agitação, dificuldade de fala) e afetivo (irritação e impaciência). O tratamento consiste em farmacoterapia, psicoterapia ou uma combinação desses dois métodos. O canabidiol (CBD) tem mostrado eficácia preliminar em muitos transtornos psiquiátricos e físicos, e a ansiedade é um deles.

Link do estudo:

Shannon S, Lewis N, Lee H, Hughes S. Cannabidiol in anxiety and sleep: A large case series. Perm J 2019;23:18-041. DOI: https://doi.org/10.7812/ TPP/18-041

Um estudo clínico retrospectivo avaliou a aplicação do CBD para queixas de ansiedade e distúrbios de sono como um tratamento adjuvante (em adição aos tratamentos farmacológicos usuais). Foram analisados scores de qualidade de sono e ansiedade, em uma medida basal e após tratamento com CBD em 72 adultos que foram inclusos no estudo. 47 deles com queixas de ansiedade relacionada a esquizofrenia, estresse pós-traumático e agitação, e 25 com queixas de distúrbio de sono. Os pacientes receberam em sua maioria formulação de CBD 25 mg/dia.

Os principais resultados indicaram:

  • 79,2% dos pacientes tiveram redução dos scores de ansiedade a partir do primeiro mês de tratamento; um resultado que se manteve durante o período total do estudo (3 meses).
  • 66,7% dos pacientes reportaram melhora na qualidade de sono também a partir do primeiro mês de tratamento.
  • O CBD foi bem tolerado pelos pacientes e poucos efeitos adversos foram reportados. Dois pacientes reportaram fadiga e três pacientes reportaram sedação. Um paciente reportou sensação de olhos secos, e um paciente reportou alteração de comportamento devido à desinibição (grande resposta de redução de ansiedade). 

Em comparação aos tratamentos usuais, o CBD apresentou uma tolerância melhor. Os autores discutem um efeito importante sobre a redução de ansiedade em populações clínicas. E é claro, estudos randomizados e controlados por placebo também são necessários para avançar ainda mais sobre o conhecimento do efeito do CBD sobre transtornos de ansiedade.

Responsável: Me. Carlos Henrique Alves Jesus

CANNABIS MEDICINAL- Conteúdo Informativo

Ler conteúdo completo
Indicados para você